Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

COLUMBÓFILIA

PÁGINA DE JOSÉ CARLOS ALMEIDA ROSA, DEDICADA À COLUMBÓFILIA !!! PROMOÇÃO E DIVULGAÇÃO DO DESPORTO COLUMBÓFILO !!!

COLUMBÓFILIA

PÁGINA DE JOSÉ CARLOS ALMEIDA ROSA, DEDICADA À COLUMBÓFILIA !!! PROMOÇÃO E DIVULGAÇÃO DO DESPORTO COLUMBÓFILO !!!

Campeonatos de Mira 2016 (Diário de Notícias)

“Verão quente com títulos europeus e mundiais até mais não” – Jornal Diário de Notícias – 23 de julho de 2016

No passado sábado o Diário de Notícias (DN) fez um trabalho sobre os vários títulos conquistados por Portugal nos últimos meses. A columbofilia também esteve em destaque no trabalho do jornalista André Cruz Martins.

Deixamos o início da publicação e as referências feitas às conquista de Paulo Martins no FCI Grand Prix Portugal, prova que decorreu no passado dia 9 de julho, no Columbódromo Internacional Gaspar Vila Nova, em Portomar, Mira.

Título – Verão quente com títulos europeus e mundiais até mais não

Nunca Portugal assistiu a tantos sucessos desportivos em tão curto espaço de tempo. Desde o futebol à columbofilia

(…) A sequência de grandes conquistas inflamou a confiança nacional e os títulos continuaram a chegar e a ganhar eco solene, mesmo nas modalidades habitualmente mais menosprezadas no espetro mediático. Como a columbofilia, na qual Paulo Jorge Martins ganhou os Campeonatos Internacionais em Mira com o seu “Cristiano Ronaldo” de asas fortes.

Pombo CR7 e um exemplo de vida

Nem sequer a columbofilia escapou à “fúria” vencedora portuguesa, com Paulo Jorge Martins a ganhar os Campeonatos Internacionais que decorreram em Mira e que contaram com mais de 900 pombos. Este português de 37 anos já vendeu, por 550 euros, a ave que lhe permitiu o triunfo.

“O pombo tinha muito boas origens, umas belas asas, bem ventiladas. Era um verdadeiro Cristiano Ronaldo dos pombos!”, atira ao DN, acrescentando que “a prova final não era nada fácil, o pombo esteve a voar 350 quilómetros durante seis horas, mas foi o primeiro a voltar a Mira, com 30 segundos de avanço sobre o segundo classificado”.

O campeão Paulo Jorge Martins, no entanto, não foi condecorado pelo Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa nem faz questão de o ser.

“Este desporto, infelizmente, não é muito divulgado em Portugal. De qualquer forma, não são as medalhas e os troféus que me movem, mas sim a paixão por esta modalidade e, claro, pelos pombos”, explica.

IMG_0017

( Paulo Martins )

Pode consultar a notícia na íntegra através da ligação Verão quente com títulos europeus e mundiais até mais não – Diário de Notícias

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.